Notícias de Última Hora
inicio / Reclamações (Boca no Trombone) / Solução para alagamento na Ponta Grossa ainda está longe !

Solução para alagamento na Ponta Grossa ainda está longe !

                                                                            Alagamentos no bairro Ponta Grossa.

Dezenas de moradores e integrantes de Associação da Ponta Grossa  se reuniram, no dia 18 de Julho, no Coloso da Lagoa, com representantes de ógãos, da Prefeitura de Porto Alegre para tratar de assunto “debatido” há décadas: os constantes alagamentos em algumas partes do bairro. A solução definitiva é a realização de obras de macrodrenagem, que ainda estão de fase elaboração de  projeto ( por mais seis a oito messes), de alto custo e que dependem de financiamento federal, o que impossibilita sequer uma  de quando previsão será possível iniciar a obra que abrangerá os quilômetros iniciais da Estrada  Retiro da Pota Grossa e quase todas as ruas do trecho entre a Avenida Juca Batista e a Estrada da Ponta Grossa. No encontro, os participantes visualizam mapas do projeto e conversaram sobre os problemas da região e possíveis alternativas para reduzir os alagamentos co representantes do D M A E ( Departamento Municipal de Água e Esgotos) e do D E P ( Departamento de Esgotos Pluviais).O  Problema é que os moradores não querem esperar por uma obra incerta para ficar livres de alagamentos. Por isso, a principal  reivindicação é realização mais frequente de limpeza de valas, pois se não estão destruídas, entopem mesmo com chuva fraca. A comunidade também apresentou sugestões como a  limpeza do canal que passa ao lado do Aeroclube do Rio Grande do Sul e a abertura de valas obstruídas , o que na opinião de moradores antigos da Ponta Grossa, seria uma alternativa para evitar os alagamentos, ao ser combinada com a limpeza mais frequentes das valas. O engenheiro Padilha, do D E P ,explicou que em agosto haverá novo cronograma de limpeza de valas a serem realizadas, incluindo as da Ponta Grossa, se comprometeu a agendar uma vistoria do diretor-geral Tarso Boelter, nas próximas semanas, para verificar a situação nas  ” valas do bairro”.

Já o engenheiro Valdir Flores do D M A E,, informou que o departamento conta com averba disponível para fazer  a ligação de 900 residências com a rede de esgoto cloacal. As áreas onde acontecem alagamentos mais críticos terão prioridade.Também esteve na reunião a engenheira Carla Leão, do Programa Integrado Socioambiental ( PISA). que articulou o encontro com a comunidade mais informações. A  S m o v ( Secretaria Municipal de Obras e Viação), também convidada, não teve representante presentante na reunião.pontagrossaponta grossa 02

Cerca de Buscar Zona Sul